Correria

Tenho vinte e sete anos, muito bem vividos, e vim morar na Suíça há alguns meses. Não sabia muito do país, estava com medo do clima e de acabar trancado dentro de casa o dia todo por causa do frio intenso.

Outro fantasma era o da alimentação, pois sabia que eram poucas – e caras – opções. Mas por sorte cheguei no verão e aqui faz – muito – calor, especialmente na parte italiana da Suíça, onde moro atualmente.

Nos primeiros três meses eu morei em Zurique (na parte alemã), um lugar com cara de cidade grande e conforto de cidade pequena. Caminhava quilômetros pelas grandes avenidas até chegar em uma área mais verde, onde corria em volta dos campos de futebol. Até porque futebol parece mesmo não ser coisa para Suíço…

locarnoAqui em Locarno moro perto do lago Maggiore, um lago imenso que atravessa a fronteira e banha também a Itália. Atravesso dois quarteirões e lá vou eu, correndo alguns quilômetros e curtindo a paisagem paradisíaca dos alpes suíços. Ou então mudo um pouco o percurso e corro beirando o rio Lugano, cheio de pedras e igualmente belo.

Todos os dias que acordo com o calor e o sol forte, logo penso: ‘Tenho que aproveitar ao máximo, pois em breve estará chegando o inverno e o frio extremo’. É um ótimo auto-estímulo, tem funcionado sempre. Música nos ouvidos e lá vamos nós…

Mas… voltando ao fantasma… e quando chegar de vez o temido frio? Quero é correr para bem longe dele! E também das academias, que custam uma fortuna.

A primeira opção seria correr pela escadaria do prédio, mas pode ser um ritual enjoativo e perigoso, em caso de queda. A segunda seria me inspirar nos filmes americanos, jogando o casacão nas costas e partindo para corrida na fé e na coragem.

Claro que milhares de pessoas fazem isso, não estou fazendo o drama do século, mas nada melhor do que correr com o calor e o ar quente.

Mas o primeiro passo já foi dado, que era me readaptar a rotina de corridas. Não contra o relógio, sem adversários… por prazer. Por saúde. Me sinto tão bem quando consigo superar meus limites e ver que o corpo se adapta rapidamente à uma rotina saudável.

Correr é um hábito que todos deveríam ter. No calor, no frio, nas adversidades… sempre! O seu corpo agradecerá muito! Só cuidado com as lesões, mas isto é um outro assunto…

Se alguém vier correr por esses lados aqui, avise! De preferência no verão, claro!

Michel P. Zylberberg

Anúncios

2 Responses to “Correria”


  1. 1 Ana Carolina Cortez Leite setembro 9, 2007 às 3:31 pm

    Vou tentar investir na correria…. pq as unicas coisas q correm por aki atualmente são o relogio e o carro! hahaha

    bjus

  2. 2 naotemcomoesquecer setembro 10, 2007 às 8:21 am

    é carol, tem que ter força de vontade pq depois que vc completa a corrida se sente bem melhor e mais saudavel!!
    mas no fim de semana tem que ter a cervejinha sagrada.. hehuehuhehueu
    ainda bem que continua um belo tempo aqui, hoje devo dar uma volta..
    beijao e boa semana proceeee


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: