Amigos, conhecidos e contatos…

Pelo título do post já dá para imaginar do que se trata… ainda mais depois dos últimos acontecimentos e viagens. Amigos, conhecidos, contatos e todos os tipos de relacionamentos que possa existir podem fazer a diferença.

Na Inglaterra, por exemplo, cheguei em Londres e fiquei dois dias na casa de um amigo que trabalhou comigo em uma agência de internet em São Paulo. Depois fui para casa de uma amiga da mesma cidade que eu em Minas por mais dois dias, além de fazer um turismo pela cidade com ela.

Como não gosto de cidade grande, além de tudo custar mais caro, resolvi já rodar. Liguei para um amigão com o qual havia viajado para os EUA em 2001 e fui parar na casa dele em Bournemouth, sul da Inglaterra. Conhecia a namorada dele também, gente finíssima! Além da prima dela que mora na mesma república (casa onde moram pessoas diversas que dividem o aluguel) e eu também já conhecia e o namorado com a irmã.

Aí foi tão show e me integrei tanto com a galera que fui ficando! Dormi também um dia na casa de amigo que conheci por lá e acabamos virando parceiros. Depois ainda descobri que já conhecia o irmão dele do carnaval de Salvador (provando mais uma vez como o mundo é um ovo de codorna). Na república tinham mais outros brasucas e acabei me enturmando mais e aí já me sentia em casa.

No meio tempo o casal foi viajar com mais um amigo pela Europa e quando este amigo voltou me convidou para ir com ele e o irmão para Irlanda. Eu já conhecia o irmão, mas lá da Inglaterra mesmo, porque havíamos feito um role de bicicleta até um lugar paradisíaco chamado “Old Harry Rocks“. Lá fui eu mais uma vez, no dia seguinte partindo para Irlanda sem saber nada do país e da viagem!

Estava mais tranqüilo porque havia amigos por lá também, em Dublin. Já escrevi para eles dizendo que estava indo. Na primeira noite acabamos ficando em um albergue perto do aeroporto porque chegamos tarde e já fechamos o passeio do qual falei dois posts atrás. Tudo rolando na paz.

Voltando para Dublin, quando cheguei na estação liguei para um amigo que havia estudado com meu irmão e na hora ele foi me pegar e já fomos para casa dele. Dormi por lá nos dias seguintes e também integrei com todos da casa! Claro que saindo também e encontrando outros amigos e curtindo os últimos dias de Pubs irlandeses.

Toda essa história para dizer que não interessa o quanto você ache que já tem tudo que precisa, todos contatos possíveis serão importantes na sua vida! Muitas vezes quando namoramos perdemos os amigos, deixamos a vida toda em função da pessoa e isso é terrível! Saiba dividir a atenção. Porque amigos são para sempre, namoradas quase sempre não.

Muitos brincam porque tenho quase 1000 amigos no orkut. Eu me orgulho, mesmo sendo apenas um exemplo virtual. Costumo brincar que sou que nem puta, conheço todo mundo… bobear conheço até mais que muitas delas! uheuuheuheuh e continuarei assim.

Porque sem contatos e sem amigos, eu provavelmente ficaria isolado em um hotelzinho qualquer ou tomaria uma cerveja sozinho no balcão de algum bar. Triste, deprimente.

galera

Agradeço a todos que cruzaram meus caminhos e me ajudaram de qualquer forma. Assim como deixo as portas abertas para aqueles que igualmente as abriram para mim.

Não seja solitário e egoísta como a nossa cultura nos ensina a ser. O convívio humano é o sentido da vida. Falei bonito! Hora de dormir…

Anúncios

0 Responses to “Amigos, conhecidos e contatos…”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: